terça-feira, 31 de março de 2009

Estado - o falso amigo


  • A ti que estás desempregado ele dá-te até 500€/mês para continuares desempregado e poderes pagar o teu empréstimo habitação. Não! ele não se importa que recebas de subsídio de desemprego 1.200€. Ele dá-te, tem fé que ele ajuda-te!
  • A ti que recebes este bónus de até 500€/ mês até durante 2 anos, terás que depois de passado esse tempo de "bónus" ressarcir o Estado vitalíciamente, nunca te esqueças ele está sempre contigo nos bons e nos maus momentos.
  • Ele é teu amigo porque não quer saber quantos filhos tens para alimentar, quando estás desempregado, nem se o puto solteirão e sem dependentes do teu vizinho recebe o triplo de subsídio de desemprego que tu recebes, muito menos que nem tenhas direito a apoios financeiros para a educação dos teus filhos.
  • Ele não se importa com a taxa injusta, estupida e cega com que se rege o subsídio de desemprego, porque ele é teu amigo, não é o teu 2º tituldar da conta.
  • Ele está-se nas tintas se aquele cigano vive há 9 anos com o subsídio de desemprego, a mulher com o subsídio de reincerção social e os filhos com os subsídios de educação e de alimentação e que não façam nada de útil e/ou produtivo para a sociedade.
  • Ele é teu amigo e trás ainda mais crianças para as escolas dos teus filhos. Crianças que viajam com tudo-incluído porque o pai apresentou rendimentos no nosso país e a mãe ganha 7€/hora e não apresenta no IRS. Já imaginaste como é bom para os teus filhos, aprender como é ter na escola vândalos malcriados com o dobro da idade deles no mesmo ano lectivo que eles, que comem à conta do Estado, têm livros sem pagar um único euro e podem ver pornografia e encitar os teus filhos a molestar, por apenas 5€/ mês no belo do Magalhães?!

  1. AGORA CALA-TE E PENSA "O ESTADO É MEU AMIGO"
  2. FALA ALTO "O ESTADO É MEU AMIGO"
  3. MAIS, MAAAAIS ALTO "O ESTADO É MEU AMIGO"
  4. AGORA GRIIIITA "O ESTADO É MEU AMIGO"
  5. TOCA A PULAR E A GRIIITAR "O ESTADO É MEU AMIGO"

Continua a fazer isto em todo o lado a toda a hora, assim tu irás conseguir entrar num local onde tens cama, comida e roupa lavada, subsídio todos os meses, os teus filhos têm a escola e a alimentação paga pelo teu Amigo, o teu marido recebe um abono bom do teu Amigo e uma vez por mês Ele dá-te um 13º mês para as prendas de Natal. Melhor que tudo é poderes ir a casa ver os teus filhos, com um motorista, as vezes que tu quiseres.
Ahhh e se adoeceres não te preocupes que ele paga-te tudo!!

Afinal ELE É TEU AMIGO, apenas tens que saber viver com ele!
Hei! Isso não significa que tenhas que ser produtivo para a sociedade...

VÊ LÁ SE APRENDES A VIVER EM PORTUGAL!
Olha que há gente com menos currículo do que tu, que já aprendeu que aqui só se safa quem tiver escola da vida!

NÃO ACREDITES QUE NA ALTURA DOS TEUS FILHOS VAI SER DIFERENTE... só tende a piorar.
Até 1974 havia gente preocupada com a falta de liberdade, hoje o excesso de liberdade dá aos nossos governantes (seja de que cor forem) o poder de nos roubar, escravizar e paralizar.



4 comentários:

Bárbara - Sol e Lua disse...

E esse teu desabafo faz-me tantas vezes pensar que no futuro os nossos filhos serão "escravos" de tudo isto.

Já agora pago seg social que não terei como receber quando merecer e quando me reformar pois dizem, sim dizem que está a ir à falência e que no meu futuro não vou receber aqilo que hoje desconto.....pois.....é o amigo de que falas.....a crise por causa do amigo que falas!!!

Bom....gostei de te ler, um beijinho e Boa Páscoa

ADOREI a foto do blog.....queria uma assim para mim!vou tentar este ano tirar um a gatinhar e outro a andar!!!!

Rita Costa disse...

Ai, ai a nossa vidinha :(

Ana Santos disse...

Interessante este post.
Tudo verdades.
Beijinhos,
Ana e seus tesourinhos

ladyprincesa2 disse...

aaaaaah moje tocaste num ponto bem forte,
eu não sou nada de falar de politica e sou antipartidária mas irrita-me profundamente esse assunto, sim porque tambem me sinto revoltada como tu...acho que nem com dois 25 de abril o país se endireitava...

e sim também sinto revolta de descontar todos os meses para o tal amigo pagar a chulos, drogados, ciganos que não querem trabalhar, a espertos, que são uns coitadinhos, não são aceites na sociedade e tem que se ter compaixão e trabalharmos para eles, porque coitadinhos não trabalham porque não querem nem precisam, afinal ganham tanto ou mais que eu e não fazem a ponta.....e cujos filhos têm tudo de borla na escola todas as vantagens porque os pais são, coitados,sabe-se lá porque, e eu que ao requerer um subsidio que me ajude ao menos a pagar as despesas de gasoleo para os tratamentos á fisioterapia da minha filha, me foi negado por não abranger os parametros de necessidade urgente, claro que se o pai ou a mãe matassem, roubassem, ou praticassem actos ilicitos, os direitos vinham todos...
e sim porque o tal amigo é solidário e os mandões não fazem descontos, haja pessoas como nós que os faça,tudo pela pátria e para pagar os seus almoços em restaurantes caros, as viagens diárias, as férias em ilhas particulares, os carrões de luxo, a roupa de marca e de borla, os apartamentos de luxo e sem juros nos pagamentos...
sim eu também tenho raiva de ser escrava do meu país, e revolta-me pensar que outrora tanto se lutou para agora estarmos tão mal...

e não, já não sinto esperança de melhoras...