quinta-feira, 23 de julho de 2009

Viagens, meios e sonhos

Viajar para o estrangeiro nunca foi o meu forte.
Às vezes penso nisso... em nunca ter o sonho de viajar e consumir horas de avião, ou beber outras culturas diferentes da minha. Nem penso sequer em provar outros sabores ou texturas... sou muito esquisitinha.

Já saí de Portugal, mas poucas vezes, e nunca para nenhum destino paradisíaco, ou com o intuíto de viagem de férias.
Já andei de avião, já viajei dia e meio dentro de um autocarro sem wc. Ficou a confirmação do bom que foi andar no primeiro transporte e no terrível que foi passar tantas horas dentro do segundo transporte.
Já andei de mota e de barco a remos, numa canoa e num smart.
Aprendi a conduzir num Jipe e já conduzi uma Autocaravana, uma carrinha comprida, um carro de 2 lugares, um BMW top de gama (vulgo "avião") e claro outros carros "normais".
O comboio é um meio de transporte excelente! adoro a sensação de liberdade, de descanso sentada no bar da carruagem, do conforto que se escolhe e do tempo para pensar pelo caminho.
Já gostei mais de conduzir por essas estradas a fora, do que hoje em dia, pode-se culpar a minha coluna e o que ela é capaz de me fazer sofrer.

Gosto das paisagens do nosso Portugal, dos lugares pouco turísticos e dos recantos paradisíacos que por cá anda, detesto locais minados de gente.
O dinheiro que não me sobra é o que me mantém mais tempo no mesmo distrito.

Mais do que sonhar com uma viagem a um local menos turístico do Brasil (é o único "sonho" turístico que gostava de visitar - coisa do tempo de miuda), anseio fazer pequenas grandes coisas, antes de morrer, tais como:

  • visitar a Ilha das Berlengas,
  • gostava de ir ver os golfinhos ao Estuário do Tejo,
  • ir a Castanheira de Pêra ver a praia artificial e acampar perto do rio,
  • queria levar o Afonso (1ª vez dele) ao Zoo de Lisboa e ao Oceanário,
  • queria levar os miudos à Kidzania, ao Sea World e ao Zoomarine,
  • queria conhecer o Gerês e as praias algarvias,
  • queria andar outra vez no ascensor da Nazaré e levar os miudos a experimentar,
  • queria sair à noite e ouvir música ao vivo tranquilamente, a sós com o meu marido (ou com os amigos mais próximos) poder beber um pisang com laranja sem preocupações e enfrentar a timidez e agarrar o microfone para um karaoke,
  • gostava de ir ver novamente o Carlos do Carmo a cantar ao vivo,
  • queria uma semana sózinha num SPA sem telemóveis e sem internet e outra semana só com o meu marido, para que pudessemos ter a nossa lua de mel nunca gozada,
  • gostava de experimentar jogar bowling,
  • queria experimentar fazer a depilação numa esteticista e uma limpeza de pele também,
  • gostava de fazer um cruzeiro com o meu marido pelo mediterrâneo,
  • gostava de ter aulas de canto e de poder frequentar um health club.

São apenas apontamentos que gostaria de poder experimentar.
O meu aniversário está para muito breve
Do You Know What I Mean, Mr. Euro Milhões?!

1 comentário:

kombi disse...

ora ai está uma cá das minhas, eu tb não sou muita dada a viagens, avião nunca andei, tenho medo, gostava de ir a Nova York 8 tb uma viagem de sonho de criança), mas com este meu medo acho que vou morrer sem lá ir.

quanto aos teus desejos de viagens por cá gostei das sugestões. Das que já fiz aconselho o zoo de lagos, Tavira, Elvas e a pensão de portugal que lá fica.

adorava ir ao gêres, minho ( e Espanha lá bem no Norte, de Espanha só conheço sevilha e badajoz e não achei nada de especial)tb gostava de ir a umas termas.

boas viagens.....e sonhos