quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Renascer

Um começo com sabor a experiência.

Basta-me dizer que será um início do meu segundo blog.
Finalizado o "Para Os Meus Amores", nasce o "2 vezes".

O "2 vezes" é tudo o que na minha vida passou a ser mais do que um.
Seja a forma de pensar, repensando.
Seja a forma de amar, amando.
Tudo mais do que uma vez.

É bom chegar a um patamar de experiência de vida em que nos sentimos crescidos, mesmo que nos lembremos constantemente das crianças que fomos.
Ter um objectivo de vida íntimo e pessoal.
Saber para onde ir, conduzir um barco, gerir uma casa.
Maturidade é algo que cresce e se transforma diáriamente.
Gosto de me olhar e ver-me criança, gosto de me ver e sentir-me adulta.
O balancear da situação é o prazer que a vida me dá.

Gosto de mim.
Quero-me sempre disposta a enfrentar a vida.
Vejo-me sempre a respeitar os outros.
Orgulho-me sempre do meu perdão.
Sinto-me sempre uma boa ouvinte.

Acredito em muita coisa.
Gosto de ouvir histórias religiosas, daquelas que contém peças que consigo encaixar no meu puzzle pessoal.
E sinto-me feliz assim.
Vejo e revejo inúmeros sentimentos em almas diferentes.
E sinto-me humanamente real.

Tive momentos, dias e anos dificeis de suportar e de superar.
Aprendi demasiadas formas independentes de me defender.
Aprendi mais tarde a deixar de precisar de as usas, e fui feliz.

Sempre tive muita gana pela vida, por mais madrasta que ela tenha sido para mim.
Tento ver em cada pedra no caminho, ou em cada pessoa que entra nele, um propósito.
Talvez seja isso ver para além de... qualquer coisa.
E vejo que saber viver não é contar as horas, é sim descobrir uma forma de melhorar... qualquer coisa., fosse por uma gargalhada, por um riso ou por um odor... como se a paga por sermos verdadeiramente humanos residisse na generosidade e no perdão...

Gosto de me sentir mulher, de amar e ser amada, de dar e receber.
Julgo que todos nós buscamos a felicidade por entre a dor do desamor, ou por entre o cansaço da rotina.
Mas dar tem sempre que ser o início e não o fim.



Voltei a escrever palavras soltas envoltas num coração aberto.
Parabéns "2 vezes", por trazeres de volta a Dianamãe, por marcares um recomeçar de trocas de experiências.
Quero-te sábio para me saberes ouvir e sadio para te contar sobre as minhas crias.

Voltei porque gosto de tocar o íntimo de quem vem até cá por bem, de quem um dia ou hoje se sente infeliz e sem sentido de orientação... embrenhados no fundo do poço.
Eu sou a prova que há sempre uma luz ao fundo do túnel... basta acreditar em nós mesmos.
Faz 2 anos que renasci!

16 comentários:

ana_paula disse...

:) mal vi a mensagem no msn , depois de um problema tecnico cá estou :)).

Gostei de te re-ler.

Vou passando por cá

Beijocas

Anónimo disse...

Bem vinda....2 vezes...........
vo continuar a ler te como sempre fiz.
bem haja para ti!!!!!!!!!
Beijokas

maria qualquer coisa disse...

Benvinda Diana...

beijo

mother_24 disse...

Oh minha ganda lady Di que bom ler-te outra vez... este texto foi um prazer ler e ver-te assim tão bem com a vida e contigo mesma, parabéns miga

Vou já gravar o blog nos favoritos pra não me esquecer de cá vir :D

jocas minha lady :D

Monica disse...

Que lindo cantinho!
Também cá vim assim que vi o mail, obrigada!!!
Beijocas

luar disse...

ola linda
1 parabens por este cantinho....a foto dos meninos esta linda...

agora e so escrever, pois eu ca andarei e cuscar :)

bjs grandes

silvixana disse...

aqui estou eu para te ler

silvixana

Isabel Vieira disse...

É bom voltar a ler-te

Beijinhos

isabelvieira

Anónimo disse...

Já tinha saudades de te lêr, fazes-me sempre muito bem, era nas tuas palavras que muitas vezes ía buscar força para mim propria.... obrigada por estares de volta....
Muitos beijinhos
Célia

sandracosta disse...

Muito obrigada por permitires que vos continue acompanhar.
Sei que tens a certeza que gosto de te ler, até posso não comentar sempre mas que leio, leio.
E sabes porquê?
Porque sei que é real e que em muitas coisas me identifico contigo. Só não tenho é o dom da escrita e não me sinto muito bem expondo os meus sentimentos, a minha dor, o que mais profundo me vai na alma.
És uma maezona e uma grande mulher.
Admiro a tua força, a tua gana, a tua vontade de ver, viver e vencer.
Parabéns pelo regresso.
Um beijo do tamanho do mundo
Sandra Costa (mãe do Tomás)

Ana disse...

bem vinda amiga!!!
que saudades de te ler!
aqui esto eu!sempre!
beijocas grandes!

ana

ps-como esta o teu sogro?

Anónimo disse...

Olá, ainda bem que voltaste a escrever, gosto tanto de te ler.
Adorei a visita de ontem!
A foto do blog está um espectáculo!
beijinhos da paula,marcia,vasco,gaby

minhavidaemfamilia disse...

Já cá estamos também. Beijo.
www.aminhavidaemfamilia.blogspot.com

InêsN disse...

obrigada pela confiança :)

ClaudiaMG disse...

Olá Diana

Foi com um prazer enorme que abri o teu outro Blog e dei com este endereço.

Gostei de voltar a ler-te...continua....sempre.

Um Grande Beijinho
Cláudia (Madalena e Guilherme)

Maria disse...

acompanhava-te do outro blog.. ainda bem que voltas-te..:)
um beijinho.